Mudança de endereço

Pessoal, informo novo blog:
www.conselheirocriativo.com.br
Nos vemos lá :)

Hoje, no mundo da inovação...

Loading...

sábado, 21 de março de 2009

O Profissional contemporâneo ?

Nossa conversa hoje abordou diversos temas interessantes, inclusive características do profissional contemporâneo. Dentre outras, podemos citar curiosidade, desejo permanente de aprender, flexibilidade e abertura para correr riscos. Neste momento de crise mundial, está ocorrendo uma reavaliação deste perfil. Fico então pensando em quais novos aspectos significam competências a serem desenvolvidas para potencializar a atuação do profissional neste mercado de trabalho turbulento. Você tem sugestões?
Ah, e se você quiser conhecer um draft que fizemos sobre as características do profissional contemporâeo, por favor envie email para conselheirocriativo@gmail.com
Um abraço!

34 comentários:

Flavia Cintra disse...

Além de tudo que foi comentado acredito que o Profissional Contemporâneo precisa ser uma pessoa dinâmica ,com ética,que tenha senso de hierarquia e saiba respeitar o mesmo ; acredito também que seja necessário ter respeito as diferenças afinal ninguém é igual à ninguém , ter espiríto de equipe e manter um bom relacionamento com os demais colegas da equipe, ser autônomo e confiante em tudo que se propor a fazer ...

Marcelo M. de Castro disse...

Eu acho que ter um conhecimento realista do seu ambiente e do mercado de trabalho possibilita flexibilidade segura numa escolha de opções, reposicionamento ou atualização de conhecimento técnico e atitudes para se consolidar. Além de agregar comportamentos transparentes e atuação em segmentos divergentes.

Suzi disse...

Suzimar Rodrigues Silva Conte

0 profissional contemporâneo é um profissional moderno, atualizado, sem medo do mercado de trabalho, com novos desafios, novos paradigmas. É que tenha uma visão ampla com muita criatividade sem esquecer da humildade e transparência.

Jeter disse...

Como vivemos em um mercado que sofre constante mutações, o profissional contemporâneo deve ter consigo premissas como: inovação, liderança, busca constante em administrar obstáculos e acima de tudo tomar uma dose diária de criatividade, competência e atitude.

Flavinha disse...

Acheiii ótimo o comentário da Suzi a humildade é essencial ;)

bjs

Guilherme Henrique disse...

Profissional contemporâneo, esteja sempre atualizado, apto ás atividades inovadoras levando sempre consigo a essência das mudanças pessoais e do mercado. Aproveite! A crise é a chance de se mostrar.

André Luís disse...

Realmente, o profissional Contemporâneo(PC) é tudo isso acima sim, mas a meu ver o diferencial do PC é a atitude.
Ele sabe usar as ferramentas que têm, sabe usar a tecnologia em seu favor. Ele identifica a necessidade, busca a informação e age.
De nada adianta ser ético, inovador, flexivel e tralalás se ele não age, não orienta, não faz.
Se ele não aplica oq sabe é como o melhor livro do mundo que ninguém pode ler. Concordam? vamos discutir

Flavia Cintra disse...

Eu concordo com tudo , e tbm acho essencial saber fazer , por isso comentei que o Profissional precisa ter autonomia , e ter confiança para o agir , se for uma pessoa insegura não dará nenhum passo ...

;)

bjs

Ronaldo Ribeiro disse...

Todos os Comentarios foram muito bons, mas acredito muito numa versão parecida com o que o André Luiz colocou, o importante hoje na minha visão é a Ação, é o Fazer acontecer, por mais que as empresas busquem profissionais com flexibilidade, inovadores, lideres, etc. Quem se diferencia é quem faz, quem acontece, pode falar pouco e não conhecer nenhum dos bordões da Administração Contemporânea, mas tendo senso de equipe, estando antenado com os macro-objetivos da empresa, e que saiba criar laços verdadeiros e honestos com clientes internos e externos, este profissional tem o meu aplauso e a minha admiração.

William Fernandes de Almeida disse...

Com as constantes mudanças nas empresas principalmente por causa do achatamento das hierarquias e comum ocorrer downsizings constantes que reduzem ou fecham um departamento ou unidade de uma empresa, por esse motivo eu acredito que a chave para o profissional contemporâneo conseguir garantir tanto um bom emprego dentro da própria organização aonde trabalha ou em outras organizações esta em três pontos fundamentais.
Na multifuncionalidade, ou seja, um bom conhecimento em diversas áreas, nos relacionamentos tanto com clientes externos como internos, lideres e liderados e principalmente no comprometimento com metas e objetivos da empresa.

Diego disse...

Realmente galera, vocês estão de parabéns pelos comentários!
Concordo plenamente, o profissional contemporâneo na verdade é uma junção de vários atributos e qualidades que são indispensáveis, temos que destacar a honestidade e a sinceridade,são pontos essenciais.

Um outro fator determinante, é saber identificar as oportunidades, agarrá-las e não soltá-las mais!
É aquela história, você vê o cavalo passar celado na sua frente, você tem que correr para montá-lo, pois ele não passará de novo!

O profissional contemporâneo, tem que saber O que Dizer, juntando habilidades, competência e conhecimento e como disse o Ronaldo, depois de tudo isto tem que Fazer Acontecer!

Abraços á todos!!

Giordano Bruno Oliveira disse...

Na minha opinião o profissional contemporâneo hoje deve ter, além de conhecimentos e habilidades técnicas atualizados, objetivos claros quanto ao que pretende em sua carreira profissional, pois só sabendo o que deseja, ele poderá atuar bem diante das dificuldades em tempos de crise e ajudar a organização a atingir bons resultados. Outra característica que acho fundamental ao profissional contemporâneo é ser fiel à organização em que atua. Como se diz no futebol, deve-se vestir a camisa, mesmo que amanhã ele venha a jogar em um time adversário.

Cicero disse...

Primeiramento o profissional conteporaneo precisa estar atento as mudanças e evoluções que ocorrem dia a dia neste mercado tao instavel. Ele deve saber captar estas mudanças, entende-las e utiliza-las a favor da empresa. Isto tudo não se adquire sentado a mesa, e sim a campo, relacionando com pessoas, sejam elas cliente, funcionarios, fornecedores, etc... E só assim ele estará apto a tomar a decisão mais correta pela empresa.

Mayara disse...

Antes de mais nada, o profissional contemporâneo tem que se conhecer, estar consciente de suas
necessidades, habilidades e aspirações, possuir inteligência emocional e estratégia de
pensamentos,assumindo um caráter de constante aprendizagem e adequação as mudanças. Só assim ele estará apto a administrar sua carreira, preparado para escolher caminhos e condizente com o que o mercado espera de um profissional.

Jair F Leite Junior disse...

As mudanças que o mundo vem sofrendo em diversos setores produtivos,provocados pelos os avanços tecnológicos, que é irreversível, e tende a acelerar a cada dia. Profissional contemporâneo precisa ser empreendedor, saber trabalhar em equipe, coordenar esforços e unir forças para atingir determinado objetivo. Faz-se necessário também ser flexível, ético.

Franco disse...

No atual momento econômico o Profissional Contemporâneo precisa ter o conjunto de todas as competências expostas por nosso amigos de sala em sintonia a um comportamento voltado à resultados eficazes, principalmente em decorrência das pressões e da competitividade exigida pelo mercado. Esse é um comportamento de grande avalia e indispensável nesse novo cenário.

Rafaelbrazao disse...

No meu entender, as principais características que um Profssional Contemporâneo deve ter sã: Dinamismo, adaptabilidade, senso de responsabilidade, senso de iniciativa, autonomia, capacidade de trabalhar em equipe, valorização do serviço, atitude positiva e ambição.

Fausto disse...

O Profissional Contemporâneo,além de ter dinamismo,estar aberto a mudanças,saber fazer várias funções e agir,o essencial é ter comprometimento.Não precisa ter uma tatuagem da empresa em seu corpo,pois no mercado algum dia pode ser que precisaremos trabalhar na concorrência,porém é preciso vestir a camisa e defende-la como se fosse um pedaço de você.Saber liderar e fazer todos acreditarem na causa também é muito importante.

Viviane disse...

O profissonal contemponâneo, sabe o que quer,como fazer e o porque fazer acontecer.....Com essa visão o profissional contemporâneo faz das situações uma oportunidade, ele passa a ser multiplicador,liberta-se de inumeras tarefas e parte para novas conquistas.

Regiane disse...

O Profissional Contemporâneo tem que ter a capacidade de tomar a iniciativa, buscar soluções inovadoras e agir no sentido de encontrar soluções para problemas. O profissional deve estar sempre atualizando-se. É preciso fugir do convencional, investigar possibilidades e limites. Buscar situações desafiadoras, encorajar-se e superar-se. Assumir os riscos de ser ousado, de questionar e determinar-se a ser e fazer diferente e melhor. Acho tbm que tem buscar perceber o próprio potencial criativo, de modo a transformar conhecimentos em resultados, usando criatividade e flexibilidade.

FRANCISMAR B DE OLIVEIRA disse...

O profissional contemporâneo tem que estar atento as mudanças, as quais são constantes em nosso meio, mudancas essas de cultura, de infomações e até mesmo de valores. Com isso saber administra-las e converte-las em resultados. Esses resultados aparecem quando uma pessoa se permite mudar, se permite conhecer o novo, tentar novas maneiras, novos conhecimentos, novas formas de comando, novos horizontes! Acredito que assim ela se adapte melhor ao mundo em que vivemos!

marina disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marina Bertanha disse...

O profissional contemporâneo, além das qualidades já mencionadas, deve saber adquirir, através do uso de fontes confiáveis, a informação correta, para que possa identificar novas oportunidades de negócio e habilidade para antecipação de surpresas.

Fabiano disse...

O profissional contemporâneo é uma pessoa realista capaz de saber a hora certa de arriscar. Um profissional com ampla visão de mercado, coragem, flexibilidade, atualizado e capaz de ver até mesmo em uma crise uma grande oportunidade de crescer.
Ele é resumidamente uma pessoa de ATITUDE capaz de levar ele e sua eqipe ao sucesso.

Marita Prado A. Maia disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Marita Prado A. Maia disse...

Para se adaptar ao "mundo contemporâneo" os profissionais devem estar cientes dos seus propósitos, não é apenas querer e sim fazer algo, ou melhor, fazer a diferença.
Cultivar o bom relacionamento com as pessoas do próprio convívio é muito importante, ser humilde, saber escutar, superar os desafios positivos e negativos, aproveitar as oportunidades que possam surgir, trabalhar em equipe, a flexibilidade é o fator mais que necessário para se tornar apto à mudanças, saindo da "zona de conforto" e assim ter ousadia para fazer algo melhor.

Aline M. Ramos disse...

Todas as características descritas pelos colegas são fundamentais ao profissional contemporâneo. Acredito que a humildade seja uma das mais importantes, pois apesar do discurso de multifuncionalidade adotado pelas empresas, em grande parte delas (em especial as interioranas)a regra continua sendo "manda quem pode e obedece quem tem juízo". Alguns coordenadores, gestores ou gerentes preferem ter em seu quadro profissionais passivos que fazem apenas o que lhes foi determinado, pois tem medo de que o profissional pró-ativo se destaque e acabe por ocupar o seu lugar. Exigi-se muito do profissional contemporâneo, entretando muitas organizações não sabem reconhecer o valor desse profissional.

Lo-Ruana disse...

Num mundo de constantes mudanças e altas exigências o desenvolvimento de novas competências e habilidades pelo profissional é essencial, esse deve sempre buscar novos desafios, procurar se diferenciar, se manter atualizado sobre as necessidades do mercado e se antecipar a essas, estar sempre atento para detectar oportunidades, utilizar sua inteligência emocional, ter visão, ter objetivo, ser multifuncional, ter facilidade em se relacionar, saber calcular e assumir riscos, ser aberto a mudanças, ter facilidade em se adaptar a novas funções e ambientes, ser flexível, ser perseverante, saber lidar com o sucesso e com o fracasso, ser humilde, ousado e ter atitude. Resumindo, é de extrema valia que o profissional procure desenvolver ao máximo esse conjunto de características comportamentais e empreendedoras, não se esquecendo dos aprimoramentos técnicos.

Viviane disse...

VIVIANE ALINE S. SOUZA

No cenário mercadológico atual sai na frente quem é inovador e mostra seu diferencial.Acredito que para tornar significativa a atuação deste profissional no mercado, se faça necessário desenvolver habilidade de comunicação e inter-relacionamento. De nada adianta ter conhecimento técnico, se não sabe comunicar e valorizar as habilidades e o conhecimento que possue.

Sezinha disse...

Concordo e parabenizo a todos pelos excelentes comentários, eu também penso que um profissional contemporaneo precisa se por no lugar do proximo para tentar entender a situação. Acredito eu que, se um vendedor se colocar no lugar do cliente, saberá o que o cliente quer e o que ele "pensa", assim como o "chefe" se colocando no lugar do seu funcionário, fará com que ele encontre soluções óbvias para a melhoria do desempenho de seus funcionários e fara com que eles se sintam então felizes por estarem trabalhando ali. Acredito eu que um profissional contemporâneo, além de estar aberto à mudanças, tem que aceitá-las de coração, corpo e alma, e que uma valorização maior melhora sim o desempenho deste, este profissional precisa se tudo ao mesmo tempo e esquecer de certa forma a tal da "hierarquia" em seu ambiente de trabalho, porém isso é bem mais complexo do que parece e é mais complicado ainda de ser realizado, principalmente em cidades "interioranas" e pequenas, onde as pessoas estão habituadas e acomodadas com o que realmente as incomodam e insistem em ficar incomodadas mas sem se levantar de seu "sofá"...

Francielle Lopes disse...

“Engraçado” hoje eu estar fazendo comentários sobre profissional contemporâneo. Essa semana aconteceu algo que me deixou chateada. Trabalho em um supermercado onde meus pais são os empresários. Não temos nenhuma hierarquia mais temos muito respeitos e consideração pelos funcionários (também sou funcionária). No ultimo dia 30/03 tivemos uma reunião após o expediente e decidimos que a empresa iria mudar seus horários. Ficou decidido que todos ajudariam a todos, seriamos amigos um dos outros e que o novo horário de funcionamento seria das 6:30 hs a 20 hs de segunda a sábado e aos domingos e feriados das 8 hs ás 13 hs. Com suas folgas a ser decidas os dias durante a semana. A parte do “engraçado” foi que um funcionário novo de uma semana e meia não ficou pra nossa conversa. Dava o horário ele ia embora correndo. E no outro dia ficamos sabendo que ele estava com o uniforme do supermercado na rua ao lado no horário do expediente fazendo propagando pro outro supermercado da cidade. Não agüentando a situação fui perguntar se ele estava mesmo conversar com o fulano de tal. Ele me disse que sim. Veja bem não posso tomar decisões antes do meu pai. Apenas estava conversando com o tal funcionário sendo amiga dele. E cheguei a conclusão de que ele tão pouco sabe ouvir, tão pouco sabe se redimir, tão pouco sabe ser educado (equilíbrio emocional), não era capacitado, não queria aprender com suas dificuldades e tão pouco fazia a diferença em nossa empresa. Na conversa que estava tendo com ele apenas queria mostrar a ele que não era certo, cliente fieis a nós tinha visto aquela cena e achado super errado. Não transmitia confiança. Hora nenhuma foi mal educada pelo contrário educadíssima. Precisava ver: alterou o tom da conversa, me tratou super mal e se demitiu. Foi embora no mesmo minuto. Penso eu que foi melhor assim, por que temos que trabalhar no que gostamos de fazer e não apenas trabalhar por que tem que trabalhar.
Um profissional de verdade faz a diferença, é multifuncional, busca desafios e aceita os desafios, tem equilíbrio emocional em todos os momentos, tem relacionamento aberto e é capacitado.

Ronaldo Pulhes disse...

Ronaldo Pulhes

Dentre tantas opiniões vou expressaar a minha completa e, as vezes, falei repetições. Só para não perder minha linha.
1- Orientação ao cliente (que é tudo)
Atitude focada em superar as experictativas dos clientes internos e externos. Encantamento. Busca sempre conhecer sua necessidade, antecipando-se em respostas com qualidade, rapidez e soluções adequadas;
2- Orientado a Resultados:
Dirige suas ações a cumprir as tarefas e os objetivos de seu negócio, apresentando resultados com eficiência e qualidade dentro DOS PRAZOS estabelecidos;
3- Gestão de Pessoas:
Ter habilidade de estimular pessoas a trabalharem no seu potencial máximo, sendo coaching quando necessário;
4- Ética e boa governaça:
Cumpre e respeita a ética. Honra seus compromissos e é confiável. Demonstra responsabilidade por suas ações e consequências;
5- Capacidade de inovação:
Promove a iniciativa e o espírito empreendedor como forma de encontrar soluções assumindo um risco calculado. Promove as mudanças necessárias que melhoras a forma de trabalho, aumentando a eficiência operacional e eficácia comercial; e
6- Visão corporativa / de grupo:
Promove condições de crescimento do grupo como um todo não sendo egoista, trabalhando com humildade e reconhecimento do todo.
Abraços.

Bruna Tizziotti disse...

O Professional contemporâneo tem que ter antes de tudo humildade para saber que o seu conhecimento sempre é pouco perto das constantes mudanças que ocorrem no nosso mundo; onde o que acabamos de aprender pode se tornar obsoleto na semana seguinte, ou até em menos tempo. Este Professional tem que estar capacitado a reaprender sempre, estar em busca de novos conhecimentos, novos caminhos para um mesmo objetivo. Assim este profissional estará sempre atualizado com o mercado, trazendo idéias inovadoras e atualizadas para a empresa.

marilda garcia caetano disse...

O profissional contemporâneo é um empreendedor,está à frente de seu tempo, ou está com o tempo à frente com novas idéias e novas práticas. Exerce multifunções, se destaca nas relações interpessoais, é transparente e age de forma linear. Proporciona oportunidade através das atitudes.

Arquivo do blog